Fotobiografia de Geralda Cesar Vilardi

Quem foi a Professora Geralda Cesar Vilardi

Geralda Cesar Vilardi (1915-2000)
Geralda Cesar Vilardi nasceu em Guaratinguetá, Vale do Paraíba, em 23 de Julho de 1915. Viveu em sua cidade natal até os seus 18 anos. Prestou concurso para professora primária, vindo para a cidade de Pompéia/SP.
Para lecionar ia a cavalo, mas dizia aos seus alunos que todas as dificuldades eram passageiras, e que o mais importante era a possibilidade de ensinar.
Ela também gostava de música, tocava piano e acordeom. Formou corais com os alunos nas escolas em que lecionou.
 Lecionou em diversas escolas de Marília e Região, para alunos do antigo 1º Grau e também para crianças excepcionais.
Em Marília lecionou na Escola Thomaz Antônio Gonzaga, Gabriel Monteiro e Olga Simonaio. Aposentou-se após 38 anos de profissão. Já aposentada foi diretora do antigo Colégio Magalhães.
Na cidade de Tupã, SP conheceu seu marido Renato Nazário Vilardi e no dia 05/08/1942 casaram-se na cidade de Aparecida do Norte/SP com quem viveu 57 anos.
O casal teve sete filhos: Solange, Sônia, Elizabete, Renata, Carlinda, Marília e José Geraldo, 19 netos e 2 bisnetos.
Faleceu em 23/01/2000 aos 85 anos, de infarto.
Em 28/08/2001, foi apresentado o Projeto de Lei nº. 5066 que denominava EMEF “Profª. Geralda Cesar Vilardi” a Escola Municipal de Ensino Fundamental localizada na Rua Amador Bueno, 1915 no Núcleo Habitacional José Teruel Martinez em homenagem a Professora Geralda Cesar Vilardi.
Geralda era muito querida em Marília, muito amada pelos amigos, familiares e alunos. Foi uma professora digna da missão a que veio.
A Educação representava sua própria vida. Ela sempre dizia:

“A Educação é um ato de fé e pode provocar mudanças nas pessoas”.




















  • Assista também em vídeo

video

  • Carta da Família da Professora Geralda para nós em comemoração ao aniversário da Escola



7 comentários:

  1. Minha avó foi sem dúvida uma grande mulher... Laura Ribas Vilardi Luz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário...espero que você tenha gostado do que viu. Acesse nosso Blog e colabore. Nos envie fotos para montarmos um acervo da Família Geralda. Não esqueça de passar pela escola sempre. Um abraço.

      Excluir
  2. Oi Adilson , eu nao sei se é você , mas to procurando 2 professores
    que me deram aula na 3º e 4 º série , Adilson ricardo de lima Dantas
    e a profssora Zeili se for você ou nao for e tver contato com eles , pede pra me procurar facebook.com/nikysant

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Monique...sou eu mesmo. A professora Zeili está em outra escola. Ainda continuo por aqui. Qualquer coisa, visite-nos na escola, se puder, senão mande recados por aqui mesmo. Abraços! (Faz tempo, hein!!!!!!)

      Excluir
  3. Olá. Meu nome é Brenda, estudei durante muitos anos nessa escola.
    Na época que estudei a diretora era a Dona Buim. Eu participei de vários "eventos" que eram realizados dentro e fora da escola, como teatros sobre a dengue, entrevista sobre a doação de sangue,dança gaúcha,Jazz, e por causa de uma carta de minha "turma" uma família da Belgica foi nos visitar na escola,e me lembro que com um poema participei do primeiro livro "No P da Poesia".
    Se eu não me engano eu estava na terceira série e estudava com a Professora Lílian,que até hoje foi a melhor professora que tive.Hoje tenho 21 anos e me recordo dos bons momentos que passei nessa escola.Como moro em Curitiba agora, gostaria de saber se ainda existe o primeiro livro "No P da Poesia". Pois acabei perdendo o meu.
    se ainda existe, gostaria muito de uma cópia.
    Agradeço, e fico no aguardo de uma resposta.
    Atenciosamente:
    Brenda Arruda Anquizes.

    ResponderExcluir
  4. Olá Brenda...que bacana as boas lembranças...A dona Buim, a Lilian e o "No P da Poesia" estão firmes aqui...neste ano teremos o lançamento da 11ª edição. O primeiro livro temos somente 2. Mande-nos seu email que se conseguirmos um exemplar te mandamos. Abraços!!!

    ResponderExcluir